0
520
SANTA MARIA 2012
O colorido encantou
Foto: Divulgação
“Santa Maria já integra o calendário oficial da Confederação Brasileira de Balonismo. Para o ano que vem, é só nos chamarem que estaremos novamente cruzando o céu da cidade”. A frase foi dita ontem à tarde pelo vice-presidente da entidade nacional do esporte, Leonel Brites, durante o encerramento do 4º Festival Internacional de Balonismo de Santa Maria, no Jockey Club Santamariense.

Isso pode ser um sinal de que os balões poderão estar novamente na cidade em 2013. Mas não depende só dos balonistas. Como este é um ano eleitoral, caberá à próxima administração municipal decidir se é do interesse da cidade manter a competição de balonismo.

Conforme a organização do evento, 27 mil pessoas for ver os balões ontem, no Jockey Club. Além dos voos, houve apresentações de aviões aeromodelos, brinquedos infláveis para as crianças e shows musicais. Na noite de sábado, a organização revela que 17 mil pessoas prestigiaram o show Night Glow, no mesmo local.

No meio do público, o cabeleireiro Silvio Gutierres, 40 anos, e a família não tiravam os olhos do céu. Segundo ele, faltam mais eventos como este para alegrar o público santa-mariense.

– Os moradores de Santa Maria não têm opção de lazer nos finais de semana. Esta ideia foi maravilhosa. O balonismo deveria ser realizado mais vezes no ano – incentiva Gutierres.

Também com os olhos atentos estavam o motorista Júnior Bertolini, 30, e a estudante Angélica Schneider, 19. Para o casal, a oportunidade de voar não foi desta vez.

– Queria muito ter voado, deve ser muito legal. O festival está muito lindo – diz Angélica.

– É tudo muito bonito sim, mas prefiro olhar aqui do chão – brinca Bertolini.

Premiação – Além de beleza, o festival também teve competição. Quem venceu a edição de 2012 foi Homero Antunes, de São Paulo. Ele conta que precisou de estratégia para vencer.

– Nas edições anteriores, tive boas colocações, mas, para este ano, trabalhamos mais concentrados, e os fatores climáticos ajudaram – considera Antunes.

O balonista teve destaque em Santa Maria por ter conhecido sua mulher no primeiro festival, em 2009, em voo sobre o bairro Camobi. Ele voltou para levá-la para um voo e, com o tempo, os dois acabaram casando.

A premiação foi entregue no Instituto São José, onde os competidores estavam hospedados.

Classificação:
1º – Homero Antunes (SP)
2º – Valdenir Taveira (SP)
3º – Amarildo Tozzi – Macarrão (PR)
4º – Edeson Bush (PR)
5º – Renato Mathies Gonçalves (SP)
6º – Giovane Pompermaier (RS)
7º – André Ibanhês (SC)
8º – Murilo Hoffman (RS)
Bons Ventos!!!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here