spot_img

Há seis anos, no Blog: Pilotos dão dicas para quem quer iniciar no Balonismo

Sempre revisar os balões, fazer manutenção dos equipamentos, ter uma boa equipe de apoio e estar atento com fios e ventos fortes, são os cuidados indicados no balonismo por Johnny do Balão(foto).
O profissional que está há seis anos no mercado, possui uma empresa de marketing com a utilização de balões de ar quente, gerando expressivos retornos de imagem e de vendas para seus clientes.
Para quem quiser iniciar no balonismo, primeiramente aprenderá a montagem dos equipamentos, inflagem dos balões e por último a pilotagem. “Na hora do vôo o instrutor mais observa do que fala, analisa os iniciantes e explica o que for necessário, as coisas básicas como navegação e pilotagem”, explica Johnny.
Johnny do Balão é décimo colocado no ranking Mercosul, quarto melhor piloto brasileiro, primeiro a voar em Recife, capital de Pernambuco e primeiro a sobrevoar 18 Km sobre as águas de Salvador, pousando em Itaparica.
Segundo também o instrutor de balonismo Luis Silvestre, dono da empresa de balonismo promocional RVB, um balão pode subir até 4 mil metros sem o auxílio de cilindros de oxigênio. “O balão sobe mais alto, mas aí precisamos levar oxigênio para o piloto, queimando o gás propano”, disse ele.
A RVB atua no mercado há sete anos prestando serviço de Balonismo Promocional e no Projeto e Construção de balões de ar quente tripulado e Réplicas Infláveis a ar frio.
“Em 2006 e 2007 fui vice-campeão do Campeonato Brasileiro o que me colocou com 1º do ranking brasileiro. Continuo na busca do meu primeiro titulo de campeão brasileiro e agora vou representar o Brasil no Mundial da Áustria em 2008”, disse o profissional.
As condições climáticas necessárias para a realização de um belo vôo são: pouco vento, céu azul e um lugar com planície. O interior de São Paulo em geral, é indicado para fazer um vôo.
Tipos de vôo – Existem três tipos de vôos promocionais no balonismo: o vôo cativo é onde o balão fica amarrado nas cordas, subindo e descendo numa altura de aproximadamente 40 metros.
No vôo livre o cliente tem o prazer de sobrevoar lugares específicos, tais como campos de futebol, arenas de rodeios, desde que tenha interesse comercial do mesmo. Já no vôo turístico, o balão é bem maior e leva grupos de pessoas para realizar um belo vôo, tendo uma duração de uma hora e meia.
Velocidade – A velocidade de um balão é determinada pelo vento, podendo atingir em média 20km/h, na decolagem o vento não pode ter uma intensidade superior a 15km/h. É praticamente impossível rasgar ou furar um balão que esteja com sua vistoria anual em dia.
Em campeonatos onde vários balões ficam muito próximos, pode ocorrer cotização do cesto com o tecido do outro balão e isso pode ocasionar o rasgo, porém por o balonismo ser um esporte seguro há possibilidade do pouso antes que aconteça o pior.

NOTíCIAS RELACIONADAS

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhar Notícia

ULTIMAS NOTÍCIAS

%d blogueiros gostam disto: